Quem pode ser bloqueado no Instagram: 5 motivos e como se proteger

13 maio 2020

Os usuários do Instagram sempre reclamam de como os algoritmos dele são imprevisíveis e chatos. Isso é ainda mais preocupante para quem opera um blog profissionalmente, promove um negócio e monetiza os seus esforços. Para esses usuários, seria um pesadelo ser banido para sempre, ou seja, perder anos de investimento na conta e no público formado com tanto cuidado. Infelizmente, é isso o que pode acontecer.

Vamos detalhar os motivos que podem levar a um bloqueio no Instagram, as punições que a rede social aplica aos infratores e como evitar se tornar um deles.

Motivos para um bloqueio de conta: de hashtags a direitos de propriedade intelectual


Motivo # 1. Aumentar o número de seguidores e comentários com a ajuda de robôs, seguir ou curtir em massa

O Instagram vem se tornando ainda mais rígido com serviços de robô e com o uso de truques para chamar atenção a determinada conta. Não raro, você encontra na rede várias tabelas com limites que, supostamente, precisa obedecer para evitar punições. No entanto, não recomendamos usar esses artifícios com a rede social. O Instagram não revela nenhuma informação sobre esses limites, e os serviços de robô são absolutamente proibidos. Dessa forma, não se arrisque confiando em informações não comprovadas - atraia novos seguidores e sustente as atividades de sua conta apenas com o auxílio de métodos legítimos.


Motivo # 2. Infração de direitos de propriedade intelectual.

O Instagram se importa com os direitos dos autores sobre o seu conteúdo e encoraja as pessoas a serem criativas e não usarem o trabalho dos outros. É por isso que a infração de direitos de propriedade intelectual é um dos motivos mais comuns para o bloqueio e outras punições em redes sociais.

Nessa categoria se encaixa não apenas o uso de fotos e vídeos de outras pessoas, mas também a publicação de logotipos de outras empresas. O Instagram não vai tentar adivinhar porque você publicou um logotipo – se é parte de um acordo de colaboração, de uma resenha de produto ou se você estava contando sobre uma promoção ou desconto. Pode ter sido um concorrente ou um seguidor irritado que tenha feito a reclamação, e não necessariamente a própria marca.

Republicações frequentes também podem ser vistas pela rede social como infração de direitos de propriedade intelectual - o algoritmo vê publicações iguais em várias contas e desaprova isso.

Muitas vezes, os usuários da rede social acham que passarão despercebidos no meio da grande quantidade de fotos e vídeos. No entanto, os algoritmos e o sistema de monitoração de infrações funcionam de modo eficiente e implacável, de modo que é melhor não se arriscar.


Motivo # 3. Conteúdo proibido

O motivo mais óbvio para um bloqueio são as publicações ilegais e de conteúdo que seja vedado pelas regras do Instagram. Por exemplo, imagens de crianças nuas, venda de armas, pornografia, suicídio e apologia da automutilação (fotos de cortes, cabeças ou rostos cobertos de sangue, etc.) A lista completa do que é proibido está nas Diretrizes da Comunidade.


Motivo 4. Publicar com excesso de frequência

O Instagram pode punir você por “spamear o feed”. Não há critérios exatos que digam quantas publicações por hora, por dia ou mesmo por minuto podem gerar um bloqueio. Os testemunhos dos usuários mostram vários cenários - alguém é banido por 5 publicações em um dia, enquanto outros conseguem publicar 5 fotos em um minuto. Recomendamos que se apoie no bom senso e não se deixe levar pelo entusiasmo. Mesmo que não seja punido pela rede social, os seguidores não devem ficar muito contentes com o excesso e, de qualquer forma, os algoritmos vão separar o resto.


Motivo # 5. Abuso de hashtags

O Instagram encoraja a sociedade a usar hashtags menos frequentes e mais adequadas à publicação específica, de modo a excluir conteúdo irrelevante e facilitar o processo de pesquisa. Você pode ser punido caso use hashtags populares demais, como, por exemplo, #love, #newyork, #beauty. Também existe uma lista de hashtags proibidas, que inclui algumas bastante inofensivas, como, por exemplo, #puppydogmonday.

 


Caso inclua hashtags demais na publicação, mesmo sendo todas pertinentes, também haverá uma boa chance de bloqueio. Um resultado comum dessa infração é que o novo público deixa de conseguir localizar a sua conta por meio da pesquisa de hashtags e as suas publicações ficam sendo exibidas apenas aos seus seguidores.

Os tipos de bloqueio do Instagram

O Instagram não avisa aos usuários sobre a possibilidade de bloqueio, e algumas infrações podem ser adicionadas à “lista negra” - você nem fica sabendo que já estão de olho em você e prestes a bani-lo. O grau do banimento dependerá de diversos fatores, do que você também não será avisado. É por isso que os casos de bloqueio são todos muito particulares.

Como sempre, o melhor método é não infringir nada. Agora, vamos detalhar os tipos de punição que o Instagram preparou para os infratores.

Tipo de bloqueio # 1. Shadowban


Sob um shadowban, muitos usuários percebem coisas diferentes - alguns acham que o Instagram para de mostrar as suas publicações no feed dos seguidores, outros dizem que a rede social limita o alcance de propósito. Tradicionalmente, o termo “shadowban” é usado para descrever a punição que você sofre caso exagere nas hashtags - novos usuários não vão conseguir encontrá-lo através delas, você fica “na sombra”.

O que fazer: pare de infringir as recomendações sobre hashtags e aguarde que a rede o reabilite. Leia as informações detalhadas e o guia de ação em nosso artigo sobre o Shadowban do Instagram.

Tipo de bloqueio # 2. Restrição de ações


Caso use serviços de robô e de atividades automatizadas em massa, a rede social poderá limitar os recursos disponíveis. Normalmente, os usuários ficam sem poder curtir publicações e comentários, fazer novas publicações ou comentários e escrever mensagens privadas.

O que fazer: reduza as suas atividades e aguarde de 1 a 2 dias. Caso surja um aviso sobre a limitação de atividades, não tente continuar com elas.

Tipo de bloqueio # 3. Remoção de publicação ou de legenda


Caso a algoritmo da rede social determine que a sua publicação viola os regulamentos (alguém ter reclamado poderá contribuir para isso), a publicação como um todo, seu texto ou o primeiro comentário podem ser removidos.

O que fazer: não tente carregar o conteúdo de novo - você poderá receber um bloqueio mais grave. Saiba mais sobre a remoção de publicações em nosso artigo.

Tipo de bloqueio # 4. Desativação “permanente”


Esse tipo de bloqueio é usado para violações especialmente flagrantes das regras do Instagram ou para um acúmulo de infrações menores. Ao entrar em sua conta, você verá um aviso de bloqueio e um botão de “Saiba mais”.

O que fazer: você poderá recorrer da decisão da rede social e tentar restaurar a conta. Para isso, use o aplicativo móvel do Instagram. Pressione o botão “Problema com o login” ou o “Preciso mais ajuda”. Além disso, você precisará fornecer informações sobre você mesmo ou sobre a sua empresa e, depois disso, receberá instruções por email. Normalmente, o usuário será solicitado a tirar uma foto com uma folha de papel com determinado código escrito. Siga as instruções e aguarde.

O que fazer para se prevenir e evitar ser bloqueado

  1. Primeiro de tudo, você precisa examinar bem as regras e recomendações oficiais do Instagram. Informe-se e as siga. Leia a lista de conteúdos proibidos e nunca publique nada assim.
  2. Tome cuidado com os direitos autorais - nunca use fotos, vídeos ou textos de outras pessoas. Remova logotipos de marcas.
  3. Não exagere nas hashtags – inclua 10, no máximo, e apenas as mais relevantes e que não sejam muito populares.
  4. Não use serviços de robô para aumentar o número de seguidores e curtidas, não siga nem curta em massa, mesmo que manualmente.
  5. Inclua o seu endereço de email atual e um telefone celular ao qual tenha acesso. Caso seja bloqueado, isso será útil – vai poder receber um código de recuperação no telefone e se comunicar com a equipe de suporte via email.
  6. Publique fotos com o seu rosto. Isso vai facilitar o processo de restauração. Caso não tenha a chance de fazê-lo ou a sua conta não seja voltada para conteúdo pessoal, associe-a à sua página do Facebook com as suas informações pessoais.

Dúvidas comuns sobre o bloqueio do Instagram

Posso usar serviços de curtir e de seguir em massa que prometam segurança e respeito aos limites?

Não, o Instagram proíbe qualquer software desse tipo. Não há limites específicos que se possa respeitar para evitar punições. Não arrisque a sua conta.

Tenho um acordo com a marca, então posso publicar o seu logotipo/foto sem me preocupar em infringir direitos de propriedade intelectual?

Qualquer pessoa pode denunciá-lo por usar propriedade intelectual sem permissão. Pode ser, por exemplo, o seu concorrente ou um seguidor irritado. O algoritmo do Instagram detectará que a imagem pertence a outra pessoa e poderá puni-lo, mesmo que você seja um parceiro de negócios do autor.

Qual número de publicações por dia é seguro fazer, para não ser um “spammer”?

Não há números oficiais que possam manter você a salvo. Recomendamos que se concentre na qualidade do conteúdo, não na quantidade. Caso deseje compartilhar conteúdo com maior frequência, use Stories.

Não consigo curtir nem comentar; o que devo fazer?

Você está sofrendo um tipo de bloqueio temporário no Instagram - uma restrição de atividades. O único jeito é aguardar sem fazer nada. Em geral, a restrição será removida em alguns dias.

Se você pode sofrer um shadowban por usar hashtags, então, no final das contas, as hashtags são perigosas, não são?

Uma hashtag é uma forma de atrair a atenção de um novo público para a sua publicação. Você pode e deve usá-las, mas leve em conta todas as suas peculiaridades. Não recomendamos o uso de hashtags extremamente populares (mais de um milhão de menções) e hashtags que não tenham a ver com a publicação. Também, não recomendamos o excesso de hashtags de qualquer espécie - 5 a 10 deverão ser o suficiente.

Posso me proteger contra bloqueios?

Caso publique conteúdo regularmente ou opere um negócio no Instagram, haverá sempre o risco de ser punido pela rede social. Você pode reduzir o risco caso siga as Diretrizes da Comunidade, certifique-se de respeitar direitos de propriedade intelectual, não usar serviços de robô, não curtir nem seguir em massa, não exagerar nas hashtags nem fazer spam no feed.

COMPARTILHAR: